PAPALIA, Diane E.; FELDMAN, Ruth D. Desenvolvimento humano. Artmed Editora, 2013.

23/08/2018


O campo do desenvolvimento humano concentra-se no estudo científico dos processos sistemáticos de mudança e estabilidade que ocorrem nas pessoas. (P. 36)
Principais domínios do desenvolvimento 
Físico - crescimento do corpo e cérebro, capacidade sensorial, habilidade motora e saúde
Cognitivo - aprendizagem, atenção, memoria, linguagem, pensamento, raciocínio e criatividade
Psicossocial - emoções, personalidade, Relaçoes sociais
Os três domínios estão inter-relacionados, de modo que o psicossocial interfere no cognitivo e físico.
Ciclo da vida
Primeiro período antes da vida
Primeiros infância - 0 - 3 total dependencia
Segunda infância - 3 - 6 desenvolvimento da fala e autolocomocao. Maior interesse pelos outras crianças 
Terceira infância - 6 a-11 colegas mais importantes
Adolescência - 11-20 busca da identidade 
Início da vida adulta - 20 anos vida independente 
Vida adulta intermediária 30 anos declínio na capacidade física 
Vida adulta tardia - lidar com perda de ente 
(P.42)
Para entendermos o desenvolvimento humano precisamos considerar as características herdadas que dão a cada pessoa um ponto de partida especial na vida e também levar em conta os muitos fatores ambientais ou experiências que afetam o desenvolvimento no contexto da família, vizinhança, nível socioeconômico, raça e cultura. (P. 42)

Os seres humanos são seres sociais que desde o começo desenvolvem-se dentro de um contexto social e histórico.

A família nuclear está mudando. P. 42
Lares extensos - presença de outros familiares
Pressão econômica aumenta o número de lares multigeracionais (16% em 2008) Em 2014 record 61 milhões 
Em 2017 um em cada 4 pais vivem não são casados (2017 pewsocialtrends.org)
De 1997 a 2017 aumentou de 20 para 35 of relacioanmentos dos Pais divorciados
Muitos estudos relacionam o índice do nível sócio econômico a processos de desenvolvimento (interação verbal da mãe com os filhos e saúde e desempenho cognitivo)
  • Influência normativa reguladas pela idade ex puberdade e menopausa
  • Influência normativa reguladas pela história segunda guerra, grande depressao que moldam o comportamento e as atitudes desumano geração
  • Influência não normativa - eventos incomuns que causam grande impacto na vida dos indivíduos ex perda de um pai na infância
Período crítico - intervalo de tempo específico em que determinado evento ou sua ausência causa um impacto específico sobre o desenvolvimento ex Correção da visão Logo na infância
Teoria e pesquisa
Teoria é um conjunto de conceitos ou enunciados que procura descrever e explicar o desenvolvimento e prever os tipos de comportamentos que poderiam ocorrer em certas condições 
Teorias podem se refutadas mas nunca provada 
O modo como os teóricos explicam o desenvolvimento depende em parte de seus pressupostos sobre duas questões básicas se as pessoas são ativas ou reativas, e se o desenvolvimento é contínuo ou ocorre em estágios.


Pessoas são ativas ou reativas
JOHN Locke tabula rasa ou Jean Jacques Rousseau que acredita que as pessoas se desenvolvem com suas próprias tendências naturais positivas se não forem corrompidas pela sociedade.
Locke visão mecanicista (pessoas são como máquinas que reagem a estímulos ambientais com desenvolvimento contínuo e portanto o comportamento é previsivel. 

As mudanças são quantitativas medidas em números (peso, altura, tamanho do vocabulários....se preocupam com o quanto se lembra ao invés do que é memoria e como ela funciona.... ) 

x Rousseau organicista (pessoas são como organismos ativos em crescimento que põem em marcha seu próprio desenvolvimento, os teóricos enfatizam na mudança qualitativa (tipo, estrutura, organização ex criança não verbal para uma criança verbal. (Piaget)
Perspectiva teóricas
⁃ psicanalista 
⁃ Freud o desenvolvimento é moldado por forças inconscientes que motivas o comportamento humano emoções e impulsos inconscientes. Divide a personalidade em id (prazer, inato, instintivo, impulsivo, inconsequente, irracional, inconsciente) ego (razão consciente mediador) e superego (valores socialmente aceitos - consciente
⁃ Ericson - a personalidade é influenciado pela sociedade e se desenvolve por meio de uma série de crises na personalidade. Estágio do desenvolvimento psicossocial. 
Confiança x desconfiança (nascimento 18 meses ) desenvolvimento da confiança básica na figura materna e posterior extensão para outras pessoas 
Autonomia x vergonha é dúvida (18 meses - 3 anos ) - adquire algum autocontrole e independência no ambiente
Iniciativa x culpa - 3. A 6 anos desenvolve capacidade de iniciar e prosseguir as próprias atividades (objetivo) experimenta novas atividades não sendo dominada pela culpa
Auto-confiança x inferioridade (6 anos - 12 anos) obtém sentimento de autoconfiança a partir aprendizado competição desempenho eficaz e reconhecimento de pessoas próximas
Identidade x confusão de papéis - (12 - 20 anos )as tarefas dominadas nos estágios precedentes devem ser integradas a um sentimento do eu seguro
Intimidade x isolamento 20 - 30 estabelecimento de um compromisso, relação intensa e duradoura infere atividade criativa
Produtividades estagnação 30 - 65 anos alcance de objetivos estabelecidos para si levando-se em conta o bem estar de gerações futuras
Integridade do ego x desespero 65 anos em diante - revisão de toda a vida, significados positivos ou não, auto-avaliacao e própria valor.
⁃ Aprendizagem (o desenvolvimento resulta da aprendizagem logo é algo continuo)Energia psíquica - libido - reservatório de energia psíquica e d e impulsos instintivos de auto-conservação (sobrevivência) e instinto de destruição (de morte)
Freud estágio do desenvolvimento piscossexual fase oral 
Ex filme o milagre da vida 
Fase anal 18 a 3 anos. - dependencia emocionalFase fálico 3 a 6 anos - complexo de edito
Fase de latência de 6 a 12 sexualidade reprimida⁃ Behaviorismo comportamento observável- ambiente controla o comportamento através da aprendizagem associativa (condicionamento clássico (pequeno Albert ) e condicionamento operante indivíduo aprende com as consequências de seu comportamento no ambiente. (Desenvolvimento contínuo)⁃ 
⁃ Aprendizagem social (observação e imitação de modelos - a pessoa age sobre o mundo na medida em que o mundo age sobre a pessoa. Auto eficácia (esta noção é desenvolvida a medida que se percebe a própria capacidade de vencer desafios alcançar metas)⁃ Cognitiva - processo do pensamento
⁃ Piaget (mudanças qualitativas no pensamento ocorrem entre a primeiros infância e adolescência.. A inteligência estrutura biológica com função de adaptar o organismo as exigências do meio. O crescimento cognitivo ocorre através de três processos inter-relacionados :
⁃ Organização - tendência de criar categorias quanto mais complexas viram esquemas que são modo de organizar informações sobre o mundo
⁃ Equilibração - esforço constante para atingir um equilíbrio estável (ente assimilação e acomodação)
- Adaptacao -forma pela qual a criança lida com as novas informações ocorre por 
⁃ assimilação (informações do meio são incorporadas à esquemas mentais existentes)
⁃ Acomodação como consequências da assimilação, ocorre mudança de esquemas mentais 
Os processos são complementares 
Esquemas - padrões organizados de comportamentos
Equilibração - movimento constante para atingir um equilíbrio estável a partir da reestruturação de esquemas anteriores 
Formas de adaptação (estágio e períodos)
⁃ Sensório motor. 0- 18
⁃ Pra operatório 18 meses - 6 
⁃ Operatório concreto 6-12
⁃ Operatório formal 12 -⁃

Teoria do processamento de informação - Chomsky seres humanos são processadores de simbolos explica o desenvolvimento cognitivo através da compreensão da informação recebida focando em atenção, memoria, estratégia de planejamento, tomada de decisão e metas

Signo/simbolos - é qualquer coisa que diga a respeito a outra coisa dotada de um significante e um significado nem todo signo é um símbolo.
Significante - o que e
Significado - para que? Função
Entende o desenvolvimento cognitivo analisando o processo envolvido na percepção e na elaboração das informações
O desenvolvimento é contínuo.
Abordagem utilizada para testar diagnosticar e tratar problemas de aprendizagem através de modelos de processamento p. 67
⁃ Contextual impacto do contexto. Histórico, social e cultural
⁃ Vygotsky - interação social é central para o desenvolvimento cognitivo
⁃ Interação social - viabiliza o aprendizado a partir da mediação 
⁃ Zona de desenvolvimento proximal Zdp (iminente) adulto favorece o desenvolvimento da criança,. Encontramos conhecimentos, potencialmente atingíveis (a criança se aproxima de um novo conhecimento, mas ainda precisa de um intermediador)
⁃ Zona de desenvolvimento real - não precisa mais do intermediador O processo cognitivo é visto como colaborativo.
⁃ 
⁃ Teoria bioecologica de Bronfenbrenner - o desenvolvimento ocorre na interação entre uma pessoa e cinco sistemas contextuais interligados. O desenvolvimento deve ser entendido em seu contexto social. Sujeito r ambiente tornam-se inseparáveis. Microsistema (ambiente do dia a dia ) mesosistema (entrelaçamento de vários sistemas (lar e escola) exosistema (vínculos entre um microsistema e sistemas externos (mídia tecnologia) macrossistema (comunidade, sociedade, países) e cronossistema (mudanças das condições pessoais e sociais ao longo da vida - dimensão do tempo)⁃ Evolucionista - considera as bem evolucionistas e biológicas do comportamento 
⁃ Teoria do apego de Bowlby - seres humanos possuem mecanismos adaptativos para sobreviver Inatos.
P.67
Maslow perspectiva humana
Pirâmide das necessidades - abordagem intra - orientada
O comportamento é motivado a partir de uma hierarquia das necessidades
Fisiológicas
De segurança
Sociais
Auto-estima
Auto-realização 
Os pesquisadores de desenvolvimento humano trabalham como métodos quantitativos ( lida como dados numéricos quanto ou quantos e estatística normalmente desenvolvida em laboratórios respeita etapas: identificação9& do problema, formulação de hipóteses, coleta de dados, análise estatística, formulação de conclusões e divulgação dos resultados) e qualitativos (procura responder como é porque - como a experiência subjetiva influência o comportamento normalmente realizada no cotidiano
Pág 90
A própria expressão do gene é controlada por um terceiro componente um mecanismo que regula o funcionamento dos genes dentro de um célula que é a epigenetica ou seja o ambiente pode influenciar quando e quais genes ativar r desativar p. 92 ex Nutricao, tabagismo, hábitos de sono, atividade física (Fraga, e tal 2005)
Existem cerca de 1800 doenças transmitidas por herança dominante, mas não são fatais, se fossem logo seriam erradicavas pois a prole não sobreviveria e portanto não transmitiria 
Defeitos transmitidos por herança vinculada ao sexo ex daltonismo e hemofilia, triplo x, klenifelter, turner x fragil